Voltar Página inicial
Núcleo Cultural da Horta
NCH Quem somos História Estatutos constitutivos Estatutos actuais
Notícias
Biblioteca virtual Boletins do NCH Outras publicações
Livraria virtual Boletins do NCH Outras publicações Como comprar
Links relevantes

Núcleo Cultural da Horta foi distinguido com a Insígnia Autonómica de Mérito Cívico

O Núcleo Cultural da Horta (NCH) foi distinguido, em Maio de 2007, com a Insígnia Autonómica de Mérito Cívico pela Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

A imposição desta insígnia, atribuída igualmente a cinco outras agremiações do arquipélago, teve lugar dia 28 de Maio, em São Roque do Pico, durante a sessão solene comemorativa do Dia da Região. Jaime Gama, presidente da Assembleia da República, José António Mesquita, representante da República para os Açores, Fernando Meneses, presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, e Carlos César, presidente do Governo Regional, foram algumas das altas individualidades presentes naquela sessão, na qual o NCH se fez representar pela presidente da sua Direcção, Maria Zoraida Nascimento.

A Insígnia Autonómica de Mérito Cívico é uma das quatro insígnias regionais (as outras são as insígnias autonómicas de Valor, de Reconhecimento e de Dedicação ) e destina-se a “agraciar aqueles que, em resultado de uma compreensão nítida dos deveres cívicos, contribuíram, de modo relevante, para os serviços à comunidade, nomeadamente nas áreas de acção social e cultural.”

Criadas em 2006, as insígnias honoríficas são atribuídas por deliberação do plenário da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores e “visam distinguir, em vida ou a título póstumo, os cidadãos e as pessoas colectivas que se notabilizarem por méritos pessoais ou institucionais, actos, feitos cívicos ou por serviços prestados à Região”. A imposição das insígnias regionais é feita anualmente no Dia dos Açores, que se celebra na segunda-feira do Espírito Santo, Feriado Regional.

Este ano, o Parlamento açoriano atribuiu as seguintes insígnias honoríficas: Insígnia Autonómica de Valor - Craig C. Mello e Jaime José Matos da Gama. Insígnia Autonómica de Reconhecimento - Alexandre Linhares Furtado, Alvarino Manuel Meneses Pinheiro, Américo Natalino Viveiros, Barney Frank, Emanuel Félix Borges da Silva, Germano da Silva Domingos, José Enes Pereira Cardoso, José Manuel Costa Bettencourt, Manuel Ferreira, Nelly Furtado, Pedro Miguel Carreiro Resendes (Pauleta), Pedro da Silveira e Ruben José Almeida Martins Raposo. Insígnia Autonómica de Mérito (Categoria de Mérito Profissional) - Francisco Luís de Sequeira Leal Sampaio da Nóvoa, Hélio Flores Brasil, Luís Carlos Decq Motta; (Categoria de Mérito Industrial, Comercial e Agrícola) - Unicol, Unileite e Uniqueijo; (Categoria de Mérito Cívico) - Clube Asas do Atlântico, Sociedade Filarmónica União Popular, Instituto Açoriano de Cultura, Instituto Cultural de Ponta Delgada, Núcleo Cultural da Horta e Rádio Clube de Angra.

Última actualização a 02.07.2007 Voltar ao topo